Glaucus Atlanticus, o Dragão Azul: tão belo quanto perigoso


Glaucus Atlanticus (à esquerda) e Glaucus Marginatus (à direita)
Glaucus Atlanticus (à esquerda) e Glaucus Marginatus (à direita)

Pare e pense: de todos os animais e plantas que você conhece, qual deles você colocaria numa lista dos mais espetaculares?

Pensou? Eu não sei qual sua resposta, mas vou te dar uma sugestão: inclua o Dragão Azul na sua lista.

O Dragão Azul (também chamado de lesma azulBlue Dragon, em inglês) é um molusco que aparece em todos os oceanos do planeta, geralmente em águas tropicais ou temperadas. Este molusco, que é da família Glaucidae, também pode ser chamado de “Frota Azul” devido a um fenômeno que ocorre vez em quando, onde centenas (ou até milhares) destes moluscos aparecem flutuando a esmo nos mares, criando um espetáculo visualmente fascinante.

Glaucus Atlanticus (à esquerda) e Glaucus Marginatus (à direita) (Foto: Divulgação)
Os moluscos chamados de Dragão Azul: Glaucus Atlanticus (à esquerda) e Glaucus Marginatus (à direita)

Mas não se engane com a aparência desse bichinho: embora ele seja bem pequeno (o Glaucus Atlanticus pode chegar a medir 4cm, enquanto o seu irmão mais novo, o Glaucus Marginatus, não passa de 2cm), este animal carrega em suas extremidades uma perigosa toxina capaz de causar muita dor ou até mesmo matar um ser humano, a depender da quantidade de toxina liberada. O Dragão Azul solta o seu veneno ao ser tocado (da mesma forma que as águas-vivas), portanto, o show marítimo deles é para ser observado de longe.

Um dos principais alimentos dos blue dragons são as medusas conhecidas como caravelas-portuguesas (Physalia physalis), espécies de água-viva extremamente perigosas e que têm o mesmo habitat do nosso amigo azul de lá de cima, principalmente no Havaí. O que você talvez não saiba é que o dragão azul pode absorver o veneno das caravelas-portuguesas ao ingeri-la, guardando a toxina em suas extremidades – e transformando-a em algo muito mais poderoso e mortal.

Agora você já sabe: caso esteja de férias na praia e veja um monte desses lindos animaizinhos flutuando no mar, não se engane: saia correndo. Assim como muita coisa bela que existe na natureza, a flutuação dos dragões-azul é um espetáculo para ser observado de longe.

Afinal… mesmo sendo algo bonito de se ver, ninguém vai ver um vulcão em erupção de perto, não é mesmo?

[message_box title=”Curiosidade Nerd” color=”yellow”]

Pokemón Lugia (Foto: Divulgação)Muita gente diz que o Glaucus Atlanticus parece o Lugia, um dos pokemons lendários da série Pokémon. Será que este pokemon realmente foi inspirado no molusco Dragão Azul?

[/message_box]

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes
Anterior Baterista morre tocando em show durante apresentação em MG
Próximo Unhas nerds (decoração): fotos